Monitoramento de Pacientes Hipertensos

Product Research UX UI

Contexto

Medicinia

O Medicinia é uma startup que desenvolve soluções de tecnologia para saúde com foco na comunicação humana, segura e estruturada entre equipes e profissionais de saúde e seus pacientes.

Monitoramento de Pacientes Especiais

A equipe de Monitoramento de Pacientes Especiais (MOPE) é uma equipe de enfermagem dedicada ao acompanhamento à distância de saúde de pacientes do São Cristóvão Saúde.

Problema

A equipe de Monitoramento de Pacientes Especiais tem a necessidade de aumentar o número de pacientes acompanhados utilizando uma solução digital como forma de expandir e potencializar o seu alcance, capacidade e qualidade de seu atendimento.

Objetivo

Possibilitar para a equipe de monitoramento o acompanhamento de saúde de pacientes que possuam baixa ou nenhuma disponibilidade de tempo para uma abordagem tradicional de acompanhamento.

Minha atuação

  • UX Designer
  • UI Designer
  • Front-end Developer
  • Product Owner

Ilustração Solução

A Solução

Indicadores de acompanhamento e canais de contato com paciente

Considerando o tipo de informação, a relevância e principalmente a frequência dos indicadores a serem acompanhados, diferentes canais de contato com o paciente foram definidos para serem utilizados de acordo com o contexto e conteúdo mais adequado:

  • Chat

  • Alertas

  • Tarefas

  • Informações

  • Ligações

Desta forma, foi possível garantir que o paciente receberia ou enviaria suas informações de saúde utilizando sempre o canal mais apropriado para que a enfermeira e o sistema pudessem então reagir/atuar sobre os dados enviados.


Canais de Contato x Indicadores / Conteúdo
Canais x Indicadores

Exemplos de Canais x Indicadores de saúde


Evoluindo na proposta de solução, diversos subfluxos foram definidos para o acompanhamento de cada indicador a ser observado. A união de todos estes subfluxos compõe a estrutura de organização principal e o funcionamento do sistema.


Acompanhamento do Paciente - Visão Geral
Acompanhamento do Paciente - Visão Geral

Acompanhamento do Paciente - Visão Geral


Subfluxo Detalhado
Exemplo de fluxo para consulta utilizando diferentes canais

Exemplo de subfluxo para consulta utilizando diferentes canais


Segmentando o Onboard do Paciente

A quantidade de indicadores solicitados e informações/explicações para o pacientes eram extremamente relevantes para garantir a aderência do acompanhamento. Dessa forma, optou-se por distribuir o onboard do paciente no app em eventos diversos ao longo da primeira semana do seu primeiro acesso.


Onboard distribuído
Exemplo de eventos distribuídos ao longo do período de onboard

Exemplo de como os eventos relacionados ao paciente foram distribuídos ao longo do período de onboard


Com esta abordagem foi possível atingir alguns benefícios:

  • Paciente só recebe uma tarefa ou informação no app no momento adequado.
  • Evita-se que paciente tenha que realizar muitas tarefas ou inserir um volume grande de informação logo após o seu primeiro contato com o app.
  • Paciente é apresentado gradativamente ao ecossistema do acompanhamento, facilitando o seu entendimento sobre as regras de seu funcionamento.

A visão da equipe de monitoramento


Alertas para indicadores críticos

Para que o sucesso do MVP era essencial que a equipe de monitoramento tivesse fácil acesso aos indicadores inseridos pelos pacientes além de também ser alertada quando algum indicador apresentasse um dado inserido pelo paciente fora do padrão definido (por exemplo, um valor de pressão arterial muita alto ou muito baixo).


Assim, alguns informativos e "gatilhos" foram elaborados para dar a enfermeira, durante todo o período de acompanhamento, uma visão simples, clara e objetiva dos dados inseridos pelos pacientes.

Enfermeira - Pressão Arterial
Exemplo de sequência de eventos de um alerta crítico de Pressão Arterial para enfermeira

Exemplo de sequência de eventos de um alerta crítico de Pressão Arterial para enfermeira



Organizando os dados recebidos

Aproveitando o chat existente entre equipe de monitoramento (enfermeira) e os pacientes, optou-se por reunir na mesma interface a comunicação e os dados mais recentes do paciente, facilitando assim a contextualização do caso do paciente e seus indicadores para quem estivesse realizando o seu atendimento.

Chat + Informações - Enfermeira
Exemplo de alerta crítico de Pressão Arterial para enfermeira

Simplficação do chat desenvolvido para enfermeira manter contato com o paciente no aplicativo

Mocks & User Flow

Uma vez que a estruturação dos dados, fluxo de informações, canais e pontos de comunicação entre equipe de monitoramento e pacientes estavam definidos e planejados, passou-se para a fase de traduzir estas decisões em mocks, fluxos e telas.


A seguir é possível acompanhar alguns exemplos de baixa fidelidade que foram produzidos ainda nas fases iniciais de concepção da solução.

Wireframes de Tarefas
Wireframes

Alguns wireframes em baixa das telas a serem desenvolvidas para pacientes


Um dos pontos mais importantes para todo o acompanhamento era o modo como a estrutura de tarefas (pressão arterial, medicamentos, peso, consultas, etc) iria se encaixar na estrutura padrão e já pré-existente do app.


Uma parte deste enquadramento pode ser acompanhada no fluxo abaixo:


App de Pacientes - Fluxo de navegação simplificado
Fluxo de Navegação

Simplificação de um dos fluxos de navegação do aplicativo de pacientes


Resumo

De forma resumida, podemos dividir a solução desenvolvida em duas partes:

1. Ferramentas disponíveis para a equipe de monitoramento
(como o chat, alertas para níveis de pressão alta ou baixa, peso etc).

2. Aplicativo para os pacientes
(também com chat, tarefas, alertas, lembretes e informações educativas).


Os diferentes subfluxos para as diferentes situações e indicadores monitorados são executados com eventos e inserção de dados entre pacientes e enfermeiros.


O armazenamento desses dados e a sua utilização, seja pelo sistema após o recebimento de um valor crítico ou pela enfermeira atuando com uma análise qualitativa do que recebe, acabam constituindo um fluxo macro que é o grande responsável pelo acompanhamento e monitoramento de saúde dos pacientes.


Resumo

Resumo da solução desenvolvida para o MVP

Considerações Finais

  • Web View no Aplicativo

    Uma decisão muito importante para facilitar os loops de feedback do projeto foi a opção por desenvolver as telas do paciente no app em uma web view e não diretamente no aplicativo.
    Assim, o time poderia ser mais rápido e assertivo para responder a eventuais melhorias indentificadas, evitando a necessidade de um novo deploy nas stores.


  • Backend estruturado para ser genérico

    Participei da concepção da estrutura/modelagem de backend a ser desenvolvida para o projeto ressaltando a importância (e conseguindo colaborar para isso) da estrutura ser genérica o suficiente para responder rapidamente a futuras mudanças e adequações.


  • Envio manual de tarefas e alertas

    Os primeiros testes internos com a equipe de monitoramento atuando como pacientes testes tiveram um forte componente manual em sua execução. Assim, alertas e tarefas eram enviados sem qualquer automação (desenvolvimento em código) para estes usuários.
    Esta estratégia de desenvolvimento da solução se demonstrou essencial para um melhor entendimento e refinamento do produto (tanto backend quanto front-end e UX/design) a ser construído.